Hospital Comunitário Sarandi elege diretoria

No dia 10 de janeiro, quinta-feira, foi eleita a nova direção do HCS, Hospital Comunitário Sarandi e renovação de 1/3 dos membros de sua diretoria, atraves de votação em Assembléia Geral, cujos integrantes terão mandato de seis anos, são eles: Ary Alberto Freddo, Alcides Pegoraro e Edílio Marcon, que apartir da assembléia farão parte juntamente com os demais membros da direção, somando 16 membros.

Após a possse dos novos integrantes a diretoria procedeu a seleção de sua Comissão Executiva que dirigirá os trabalhos para o mandato de dois anos, composta pelos seguintes dirigentes: Presidente Hilário Salvatori, vice Ulisses Toazza, primeiro secretário Helmuth Walter Pryn, segundo secretário Alcides Pegoraro, primeiro tesoureiro Doneli Gelain e segundo tesoureiro Vilmor Cortese.

No HCS atuam profissionais nas seguintes especialidades, ginecologia, cardiologia, otorrino, oftalmologia, psiquiatria, gastroenterologia, traumatologia, vascular, dermatologia, neurologia, fonoaudiologia, endocrinologia, pediatria.

Recentemente o HCS  renovou com  o Ministério da Saúde o Certificado  de Entidade Beneficente de Assistência Social, ou seja, renovou a sua condição de entidade filantrópica.  A renovação tem validade até o dia 20 de setembro de 2021.

Para renovar seu convênio de filantropia o Hospital Comunitário Sarandi teve que comprovar e prestar contas dos atendimentos e serviços prestados  através do SUS no percentual de 60 por cento nos últimos três anos enviando balanços e relatórios de atendimentos e financeiros, alimentando o sistema de todos os atendimentos através do Sistema Único de Saúde.

Para essa renovação  o Hospital Comunitário  teve também que comprovar estar em dia com todas as obrigações e tributos , e além dessas obrigações, o hospital tem que comprovar investimentos na própria  entidade e não ter dirigentes remunerados. ( Jose Leal)