Encontro no Hospital da Cidade debate efeitos dos cortes nos recursos financeiros para a área da saúde

Representantes de Hospitais da região norte se reuniram na última sexta-feira (22) para debater a crise na saúde. A situação na qual estão inseridas as instituições de saúde, como consequência do corte de recursos da Secretaria da Saúde do Estado, além de dívida existente referente a serviços prestados aos Hospitais Filantrópicos, Santas Casas, Prefeituras e outros prestadores foi o tema do encontro realizado no Hospital da Cidade em Passo Fundo.

A preocupação com os repasses e manutenção dos atendimentos através do Sistema Único de Saúde foi debatida por onze entidades da região norte do Estado, que passam a realizar encontros bimestrais. O Diretor Administrativo do Hospital Santo Antônio de Tapejara, Ildo Costella destacou a importância da discussão coletiva entre as entidades “isso nos ajuda muito em termos unicidade de diálogo entre a nossa região pra que a gente possa enfrentar os problemas conjuntos, problemas macro, que são de ordem hospitalar. Hoje nós não temos representação legal dentro da nossa região”.

O próximo encontro será realizado no dia 23 de setembro no Hospital da Cidade de Passo Fundo, podem participar representantes de instituições de saúde da região “estes encontros acabam fortalecendo gestão dos hospitais, porque trazem muitos assuntos que os outros estão trabalhando em suas regiões. Só fortalece a nossa rede e nos fortalece também como gestão” ressaltou o administrador do Hospital de Caridade de Carazinho, Felipe Sohne.

O encontro realizado em Passo Fundo reforçou o comprometimento das instituições de saúde da região na busca de ações de enfrentamento à crise “o nosso maior problema é o atraso de repasses do governo do Estado. Falta um calendário de pagamentos por parte do Estado aos municípios, falta o comprometimento com o governo estadual principalmente em honrar os contratos existentes, este é o nosso maior objetivo” enfatizou Adairto Forti, administrador do Hospital Frei Clemente de Soledade e do Hospital São João, da cidade de Arvorezinha.

O grupo de trabalho amplia a representatividade da região norte para negociações com o governo do Rio Grande do Sul e prestadores de serviço “essa primeira reunião vem pra fortalecer o grupo, pra gente estar alinhados para negociar questões como convenções coletivas, contratos com o Estado e até mesmo a questões relacionadas aos nossos prestadores” afirmou Adairto.

DSCN1115 DSCN1117 DSCN1121